Linkedin - Portal do Concreto Facebook - Portal do Concreto

Anterior
Próximo

 

 

 

         DOCUMENTOS BÁSICOS

 

          - NM 09

 

         MATERIAIS BÁSICOS

 

                    - Concreto fresco

 

 

          EQUIPAMENTOS

 

                    - Deve ser indeformável, confeccionado em aço ou outro material não absorvente e quimicamente inerte com os materiais constituintes da argamassa, com seção transversal retangular ou circular, com dimensões mínimas de 150 mm.

 

                    - Penetrômetro de Proctor com as seguintes agulhas em mm2: 645; 484; 323; 215; 161; 129; 65; 32 e 16.

 

                    - Haste de socamento ( 16 mm x 600 mm )

 

                    - Peneira de 4,75 mm.

 

                    - Pipeta.

 

                    - Placa de vidro ou saco plástico transparente.

 

                    - Argamassadeira mecânica EMIC (opcional).

 

          TEMPOS DE PEGA

 

                    Tempo de início de pega é o tempo decorrido após o contato inicial do cimento com a água de amassamento, necessário para uma argamassa atingir a resistência à penetração igual a 3,5 MPa.

 

                    Tempo de fim de pega é o tempo decorrido após o contato inicial do cimento com a água de amassamento, necessário para uma argamassa atingir a resistência à penetração igual a 27,6 MPa.

         

 

          ENSAIOS

 

                   Após confecção do concreto peneirar em peneira 4,75 mm, um volume necessário para preencher o molde até a altura mínima de 135 mm.

 

                    A mistura também pode ser feita na argamassadeira com a utilização apenas dos materiais passantes na peneira 4,75 mm. Deve ser misturado até que obtenha-se homogeneidade e a quantidade deve ser suficiente para preencher o molde até a altura mínima de 135 mm.

 

                   Homogeneizar manualmente a argamassa e com a haste de socamento dar 10 golpes uniformemente distribuídos. Após o adensamento a superfície da argamassa deve ficar aproximadamente 10 000 mm2 abaixo da borda do molde.

 

                    Bater levemente a haste na lateral do molde para a retirada de vazios, deixar a superfície plana e tampar com uma placa de vidro ou plástico para ser levada à câmara úmida.

 

                   Retirar a água da exsudação da argamassa, com o auxílio da pipeta, podendo usar para isto um calço de madeira de aproximadamente 40 mm de altura, por 2 minutos.

 

                   Acoplar ao penetrômetro a agulha adequada à consistência do concreto no momento da leitura e fazer com que penetre 25 mm, verticalmente, sem choques.

 

                   O tempo necessário para a penetração de 25 mm é de aproximadamente 10 s, e a força empregada juntamente com o tempo decorrido a partir do contato da água com o cimento, deverão ser anotados.

 

                    A distância mínima entre os pontos de penetração da agulha deve ser o dobro do diâmetro da agulha que está sendo usada, e nunca inferior a 15 mm, e, a distância entre esse ponto e o lado do recipiente sempre superior a 25 mm.

 

                    Os ensaios devem ser realizados com intervalos máximos de 1 hora até o início do tempo de pega, sendo que após o início de pega os intervalos serão de 30 minutos até a resistência à penetração.

 

                   Devem ser realizadas determinações de penetração a intervalos regulares de tempo de modo a obter uma curva uniforme. Para esta finalidade devem ser obtidos pelo menos sete pontos para a curva a ser construída, sendo que, deste total, pelo  menos três devem se situar antes do limite entre os limites de início e fim de pega e um ponto deve corresponder a um valor de resistência à penetração igual ou superior a 27,6MPa.

 

          RESULTADOS

 

                    A resistência à penetração é obtida pela fórmula:

 

onde,

F = Força para produzir a penetração, em N.

A = área da face interior da agulha, em mm².

 

                    Os valores de carga em N são retirados da tabela de verificação, que pode ser encontrada na caixa do aparelho e na pasta “Tabelas de Verificações”, em função da leitura no relógio de deflexão.

 

                    Deve-se elaborar um gráfico onde a abscissa seja o tempo decorrido a partir do contato do cimento com a água, e a ordenada, a resistência à penetração.

 

                    Calcular o resultado do tempo de início de pega como sendo o tempo para a curva traçada graficamente corta a ordenada no ponto de 3,5MPa ou a equação da curva calculada para resistência igual à 3,5 MPa.

 

                   Calcular o resultado do tempo de fim de pega como sendo o tempo para a curva traçada graficamente corta a ordenada no ponto de 27,6 MPa ou a equação da curva calculada para resistência igual à 27,6 MPa.

 

                    Os tempos de começo e fim de pega são obtidos pela média dos tempos obtidos nos dois ensaios realizados com a mesma amostra, expressos em horas e minutos, arredondados para um valor múltiplo de cinco minutos. O resultado de cada ensaio individual não deve diferir da média de ambos em mais de 3%. Caso isso ocorra o ensaio deve ser repetido.

 

          CUIDADOS A SEREM TOMADOS

 

                     Anotar a temperatura da argamassa depois do peneiramento;

 

                     Registrar  a temperatura do ambiente durante o ensaio;

 


 
GOSTOU?
compartilhe em sua rede social:  
 

Últimas Notícias

QUAL É A NORMA?...
O Portal do concreto tem novidades para 2015, muito mais informaçõ...
LOJA VIRTUAL...
A Loja Virtual do Portal do Concreto está em fase final de montagem. Esp...
EQUIPE MAUÁ DE CONCRETO...
O desenvolvimento de tecnologias sustentáveis depende de uma série...

INSTITUCIONAL REDES SOCIAIS RECEBA NOSSAS NOVIDADES
Anúncie | Contato | Equipamentos | Meus Pedidos | Meu Cadastro  Facebook - Portal do Concreto  Linkedin - Portal do Concreto

 


Desenvolvido por: Dinamicsite