Entre em contato!

  • Preto Ícone Instagram

©2006 - 2018 by Portal do Concreto

Centrais dosadoras de Concreto

São as responsáveis pela dosagem dos materiais  componentes do concreto (MCC's) e sua transferência para o caminhão betoneira.

 

Neste tipo de central, a mistura e a homogeneização do concreto são feitas no próprio caminhão, antes de prosseguir para a obra.

Estas centrais são compostas basicamente por silo de cimento, reservatórios para água e aditivo, balanças de cimento e agregados, hidrômetros, compressores e transportadores de correia.

 

A diferença básica que existe entre as centrais dosadoras está na forma de pesar os agregados (tow go ou caixa de agregados) e no tipo de carregamento do caminhão (manual ou automático).

O carregamento manual é aquele onde o operador de balança (balanceiro) faz o controle da pesagem dos materiais e sua transferência para o caminhão. Para isto existe um painel de controle com botões para a abertura e fechamento de comportas, acionamento de transportadores de correia, insufladores de ar, vibradores, bombas d’água, etc.

Nas centrais automatizadas, o balanceiro digita o código do traço e o volume a ser carregado no computador. Este por sua vez comanda o painel de controle e o balanceiro só interfere na dosagem se for constatado algum problema com a carga.

 

O terreno para abrigar uma empresa prestadora de serviços de concretagem (Concreteira), deve ter além do local destinado aos equipamentos da Central Dosadora, espaço suficiente para armazenar areia e pedra (pátio de agregados), estacionar caminhões e construir edificações como escritório, vestiário, cabine de comando, refeitório, etc.

Um fator importante ao se falar em central dosadora é que sua manutenção e a aferição de seus equipamentos devem estar sempre em dia, pois uma central quebrada significa caminhões parados e clientes insatisfeitos.